"Alma de Rosas" é um dos novos romances da escritora paulistana Talita Vasconcelos, autora parceira do blog! É mais uma ótima autora nacional, ela do gênero do romântico, que vale a pena dar uma conferida.
Elizabeth e sua irmã Simone sempre foram românticas, mas de formas diferentes; enquanto Elizabeth supria sua vontade de conhecer o amor inspirando outras pessoas através dos personagens de seus livros e na vida real se fechava, Simone era uma romântica assumida e ia atrás de uma chance de encontrar o homem dos seus sonhos. Porém ambas não tinham encontrado ninguém ainda que brotasse esse sentimento nelas verdadeiramente. Até aquele momento.

Simone se apaixona por um homem na internet e conta para a irmã, que não nega em ajuda-la a escrever cartas ao amado desconhecido. Elizabeth, por outro lado, recebesse uma noticia ótima do primo: o melhor amigo de infância dela, Alessandro, estava de volta á cidade anos depois de ter se mudado e quer encontrar-se com ela.

E quando finalmente o encontra, fica surpresa; ele mudou completamente e se tornou a sua idealização do homem perfeito. Imediatamente ela se apaixona e sente que seu coração pertence á ele.Voltando para casa, sentindo-se nas nuvens, uma confissão da irmã a leva de volta á dura realidade: por uma terrível coincidência, o mesmo homem que Simone encontrou na internet e agora estava namorando era  o mesmo Alessandro por quem Elizabeth se encantara.
Sempre tive receio com livros de romance; sempre preferi romances inseridos em outra história principal, seja de suspense, fantasia, sci-fi, etc.Para um livro de romance me conquistar, eu tenho que gostar MESMO.Foram assim com poucos; gosto de alguns de Nicholas Sparks, de Rachel Gibson, etc.
O livro inicia com uma éspecie de flashback vivido da mente da protagonista da trama, Elizabeth, lembrando-se de quando era mais nova, ainda e ela e seus melhores amigos: a irmã Simone e o colega Alessandro eram bem diferentes. Uma forma legal da autora nos apresentar os personagens, que basicamente, compõe o drama principal do livro de forma mais inocente.

A atmosfera da história começa bem leve; o leitor é apresentado á Elizabeth e a história de sua família, como Simone foi acolhida pelos pais dela, o primo Eduardo e a tia exagerada com "mania de inglês". Como ela descobriu querer ser escritora, como ela lida com sua expectativa pelo amor, onde trabalha, como quem convive.

Então a partir da chegada de Alessandro toda a situação muda; vemos uma mudança aos poucos na protagonista e em toda dinâmica da história, causadas pelos conflitos que passam a cerca-la; traições, desconfianças, frustrações, paixões, medos.A narração apesar de ser em 3° pessoa reflete bem os sentimentos da personagem; define Elizabeth essencialmente como uma mulher intensa em seus sentimentos.

Mas apesar disso eu não consegui criar empatia por alguns dos personagens, especialmente á Elizabeth e suas dores; não sei explicar exatamente o motivo, talvez seja pela irritação que os lamentos prolongados dela ou por alguma questão pessoal, mas o fato é que simplesmente não consegui me conectar com a protagonista a ponto de me importar com ela. Apesar de me identificar com sua paixão pela escrita e  O personagem que ao final que mais me conquistou acabou sendo o primo dela, Eduardo; engraçado, motivador e simples; alguém que fala a sinceridade no modo "curto e grosso" se tornou a personalidade mais cativante na obra.
Atibaia, município do estado de São Paulo onde a toda a trama se desenrola

Por outro lado não se pode reclamar da narrativa ao longo do livro; imagens bem formuladas e explicadas, cenários e personagens caracterizados bem e também suas expressões.

Ao final da primeira parte cheguei á conclusão de dois finais possíveis para o livro, que poderiam causar efeitos diferentes; o primeiro era o mais óbvio e iria me decepcionar, fazendo-me duvidar da própria definição da autora sobre o "amor". Felizmente não me decepcionei e o final acabou valendo cada página lida. Convido todos que gostam de uma boa história de amor.

Como privilégio de blog parceiro, consegui para vocês leitores a idealização da própria autora dos personagens, ou seja, atores e personalidades que parecem mais com a ideia das características que a própria autora, Talita Vasconcelos, imaginou. Uma espécie de "Dream Cast" mais exato, vindo da da própria fonte da história.
Confira alguns dos personagens no Dream Cast:
* correção: escrevi sem querer na imagem acima Giovanna Antonelli, invés de Giovanna Lancelotti como Elizabeth.

E tem mais:
Book Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=zI5xCAdRnBs

Site online para adquirir em e-book:
http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/4915271?PAC_ID=127108

Quer saber mais sobre a autora parceira? Visite a página de autores parceiros (link).
Deseja tornar-se autor parceiro do blog? Visite a página de politicas de parceira (link).

Convido á todos a conhecer essa história!

Ficou com vontade de ler? O que achou do Dream Cast? Comente e diga sua opinião!


Deixe um comentário